Home / Economia / Secretaria da Fazenda tem atendimento online durante quarentena

Secretaria da Fazenda tem atendimento online durante quarentena

Neste período de quarentena, por conta da pandemia de Coronavírus, a Secretaria da Fazenda da Prefeitura de Brusque continua a desempenhar suas funções, mesmo sem o atendimento presencial.

“Realizamos o trabalho de maneira remota para atender as necessidades do contribuinte”, enfatiza o diretor geral, Guilherme Ouriques.

Os serviços disponibilizados pela pasta podem ser acessados no site portal.brusque.sc.gov.br. “Na opção “Abertura de Protocolo” existe uma variedade de serviços disponíveis. Por meio desta função é possível, por exemplo, o cidadão solicitar emissão de Guia de ITBI, solicitar a abertura, encerramento ou suspensão de empresas, a manutenção ou revisão no cadastro imobiliário, dentre outras funções”, detalha.

Contatos:

Caso o contribuinte tenha alguma dúvida ou não encontre algum serviço desejado, pode utilizar os e-mails abaixo, de acordo com o assunto:

Fiscalização, tributação e Nota Fiscal de Serviços Eletrônica: iss@brusque.sc.gov.br

Alvará de funcionamento: alvara@brusque.sc.gov.br (sem acento)

Revisões de IPTU: geo.brusque@brusque.sc.gov.br

ITR, Nota e Cadastro de Produtor Rural: seno.groff@brusque.sc.gov.br

Parcelamento, isenções e nota fiscal avulsa: atendimento.fazenda@brusque.sc.gov.br

IPTU, ITBI e cadastro imobiliário: cadastrobrusque@brusque.sc.gov.br

Dívida ativa, certidões de dívida, parcelamentos vigentes: divida@brusque.sc.gov.br

“Nos colocamos à disposição para atender o contribuinte da melhor maneira possível durante este momento de quarentena. Informamos que ao longo da semana disponibilizaremos mais informações acerca do funcionamento remoto da SEFAZ Brusque”, conclui Ouriques.

Veja Também

Governo do Estado volta a discutir plano de convívio para retomada de atividades

Logo após a edição do decreto 535/2020, que prorroga o isolamento social em Santa Catarina ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.