Sexta, 22 de Outubro de 2021
19°

Poucas nuvens

Brusque - SC

Saúde Blog da Gi Pavan

Vasinhos e varizes ... o que fazer?

Talvez mais que uma questão de estética, os vasinhos e varizes implicam uma questão de saúde

25/07/2021 às 20h30 Atualizada em 26/07/2021 às 07h25
Por: Gi Pavan
Compartilhe:
Vasinhos e varizes ... o que fazer?

Talvez mais que uma questão de estética, os vasinhos (sabe aquelas veias roxinhas, azuladinhas que se emaranham pelas pernas e pés? ) e varizes implicam uma questão de saúde; assim sendo, convidei o Dr. André Cabral, médico, cirurgião neurovascular para nos ajudar com algumas dúvidas. Você pode acessar o vídeo e assistir o que ele disse no Programa da Gi – lembra? Vai ao ar todas as terças-feiras às 20:45 pela TV Brusque.

Vasinhos voltam após procedimento?

Pois bem Dr, nessa época do ano, aumentam o número de procedimentos, as pernas cobertas propiciam esse tipo de procedimento, que segundo Cabral, é usado muito pra “secar”, quando se usa claro a medicação específica para num passe de mágica ir “sumindo” com essas veias. Perguntei se essas veias voltam? E como ele mesmo explicou: muitas vezes as veias e varizes tem uma condição genética, e não que elas voltam, mas acabam nascendo novas; implicam também  o estilo de vida: muito tempo de pé, muito tempo sentado, que vão acabar dificultando esse retorno venoso; aquilo que eu mesmo comentei: exercitar a nossa panturrilha que é nosso segundo coração.

E quando há necessidade de cirurgia para varizes?

Sempre é muito importante prestar atenção nas dores, o que está causando a dor nas pernas; se tem inchaço, se tem formigamento, se as varizes estão espessas e segundo o Dr André, é preciso solucionar a causa: aumentar a ativação nos membros inferiores e não se iludir: as medicações que prometem “sumir” com as varizes, que ativam a circulação, que eliminam varizes, não são a solução. E quando a saúde fica comprometida em função de, existem as cirurgias que acabam por ter a retirada das varizes, da safena por exemplo; e existe hoje o laser para tal tratamento também.

E quanto à trombose e a vacina do COVID?

Ele esclareceu, que o risco maior continua sendo ficar sem a vacina por conta desse risco muito baixo da trombose; do inúmero conhecimento depositado nessas vacinas, podemos se imunizar sem medo.

Para todas as situações como eu sempre trago e falo no Programa da Gi, você precisa em deve investir um tempo, um dinheiro, em cuidar de você, em termos de exercícios físicos. Ele que vai ativar essa sua “segunda bomba”, seu “segundo coração”, independente se você passa maior tempo do dia de pé ou sentado … saúde sempre!

 

Um grande abraço e fiquem com Deus!

Cuide-se saúde seu bem mais precioso.

 

Siga no instagram: @gipavan.programadagi

 

 

 

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Gi Pavan
Gi Pavan
Sobre Dicas de saúde, qualidade de vida e bem estar!
Brusque - SC Atualizado às 11h46 - Fonte: ClimaTempo
19°
Poucas nuvens

Mín. 13° Máx. 28°

Sáb 27°C 16°C
Dom 25°C 17°C
Seg 26°C 15°C
Ter 28°C 15°C
Qua 23°C 11°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias