Home / Economia / Havan vai investir esse ano cerca de R$ 100 milhões em 6 novas lojas

Havan vai investir esse ano cerca de R$ 100 milhões em 6 novas lojas

Mesmo em meio a pandemia e o caos que se instalou na economia, a Havan, maior loja de departamento do País, vai investir cerca de R$ 100 milhões em 2020 na abertura de seis novas lojas. No dia 30 de maio será inaugurada uma loja em Gravataí (RS) e no dia 20 de junho outra em Jacareí (SP). Até o fim do ano serão inauguradas mais 4 lojas: em Erechim (RS), Catanduvas (SP), Florianópolis (SC) e Belém (PA).

O diretor de expansão da Havan, Nilton Hang, explica que houve um ajuste no número de lojas a serem inauguradas esse ano, visto que antes da pandemia estavam previstos 20 novos empreendimentos. “Resolvemos concluir as que já estavam com as obras bem adiantadas”, explica.

Juntas essas seis lojas devem representar cerca de 900 empregos. Ainda nesse primeiro semestre, serão 150 empregos em Gravataí e 150 em Jacareí. A loja gaúcha representa um investimento de R$ 25 milhões e terá 10 mil metros quadrados de área construída com espaço de alimentação e uma réplica da Estátua da Liberdade.

A loja de Jacareí representa um investimento de R$ 30 milhões e 150 novos empregos. Na unidade haverá área de alimentação, estacionamento coberto e terá 16 mil metros quadrados de área construída.

As lojas contam com um mix de produtos de 100 mil itens nacionais e importados em diferentes setores como: cama, mesa e banho, eletro, eletrônicos, utilidades domésticas, bazar e outros.

Atualmente, são 145 lojas em 17 estados brasileiros. Com as inaugurações previstas, 2020 fechará com 151 lojas. 

Endereços das duas novas lojas com data de inauguração:

Gravataí: Rua otávio Schemes, 4105, Bairro Barnabé, ao lado da fábrica de tintas Renner

Jacareí: Avenida Getúlio Vargas, 454, Jardim Califórnia

Veja Também

Celesc obtém liminar que barra proibição de cortes e parcelamento em 12 vezes

Foi proferida a liminar favorável à Celesc, no mandado de segurança, impetrado no Tribunal de ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.