Home / Economia / ACIBr integra o movimento de entidades que pede retorno da atividade econômica na segunda-feira

ACIBr integra o movimento de entidades que pede retorno da atividade econômica na segunda-feira

Por unanimidade de seus diretores, a Associação Empresarial de Brusque (ACIBr) integra, desde a tarde desta quarta-feira, 25 de março, o Movimento de Entidades Reage SC. A principal bandeira defendida pelo grupo é um ofício destinado ao governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, solicitando a retomada gradativa da atividade econômica, de forma planejada e preventiva, a partir da próxima segunda-feira, 30 de março.

“Em Brusque nós criamos um Comitê Preventivo que trouxe um impacto em termos de cuidado e disciplina. Tanto que não foi confirmado nenhum caso de Coronavírus na cidade, em Guabiruba e Botuverá. Então, assinar este documento não é uma contradição, mas um amadurecimento frente a tudo que está acontecendo. Precisamos sim, manter os protocolos de higienização, pensar na saúde e na vida das pessoas e buscar, de forma gradativa e ordenada, um equilíbrio econômico”, destaca a presidente da ACIBr, Rita Cassia Conti.

Até o fim da tarde de hoje, o documento já estava assinado por mais de 50 entidades empresariais do Estado. Entre elas a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina (Fecomércio) e o Sebrae.

Veja Também

Governo do Estado volta a discutir plano de convívio para retomada de atividades

Logo após a edição do decreto 535/2020, que prorroga o isolamento social em Santa Catarina ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.