Home / Geral / Secretaria de Obras denuncia descarte irregular de lixo

Secretaria de Obras denuncia descarte irregular de lixo

Passaram-se pouco mais de dois meses desde a última limpeza e macadamização da Rua Luiz Maffezzolli, a popular “rua do fogo”, situada no Bairro Limeira. Mesmo assim, o trecho já se encontra novamente cheio de entulhos como restos de construções, madeiras, lixo orgânico e, até mesmo, pneus e bancos de carro. Fato que vem preocupando os órgãos competentes.
O secretário de Obras, Ricardo José de Souza, faz um apelo à população, solicitando que não depositem lixo no local e que denunciem quem o faz. “Isso prejudica – e muito – o meio ambiente. Precisamos da ajuda da comunidade para fiscalizar. Isso é um crime ambiental. Pedimos que a população acione a Polícia Militar e anote as placas dos carros e caminhões que despejam entulhos por aqui”, ressalta o secretário.
O descarte irregular de lixo, ainda segundo o secretário municipal, não acontece apenas na Rua Luiz Maffezzolli. Problemas semelhantes são verificados rotineiramente na Rua José Jacinto Cardeal, travessa que liga os bairros Cedrinho e Zantão, e na Rua Boêmia, entre o Poço Fundo e o Limeira.
Situação que também traz à tona um problema de saúde pública, pois, muitos dos entulhos depositados na localidade contribuem para a existência e aumento de focos do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, zika e da febre amarela. “Sem falar dos ratos, baratas e mosquitos. Precisamos nos conscientizar e cuidar do que é nosso”, finaliza.
Como denunciar
É possível informar a Polícia Militar, através do número de emergência 190, a Ouvidoria da Prefeitura de Brusque, pelo 156, a Fundação Municipal do Meio Ambiente (Fundema), no 47 3355-6193 ou, então, a Secretaria de Obras, no 47 3350-1960.

Veja Também

Guabiruba investe R$ 16 milhões em pavimentação asfáltica

Nos últimos cinco anos, o município de Guabiruba investiu cerca de R$ 16 milhões em ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.