Home / Economia / Pronegócio termina com muitas negociações fechadas

Pronegócio termina com muitas negociações fechadas

Diversas micro e pequenas empresas de Brusque e região, de toda a cadeia têxtil, já têm para os próximos meses produção garantida, após a realização da 43ª Pronegócio. A rodada, considerada a maior de confecção do país, ocorreu de 7 a 10 de novembro, no Pavilhão da Fenarreco, em Brusque. Realizada pela Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr) em parceria com o Sebrae/SC, o evento reuniu 110 segmentos de confecção da região, e contou com a presença de cerca de 350 compradores das mais variadas partes do país que saíram de Brusque com os pedidos da coleção de Outono/Inverno 2018 para suas lojas.

Segundo o presidente da AmpeBr, Ademir José Jorge, a avaliação da entidade em relação ao evento é de dever cumprido. “Conseguimos trazer muitos compradores de todo o país para essa edição e vimos que eles encontraram aqui o que realmente precisavam: produtos de qualidade, novidades e tendências de mercado, para embelezar as vitrines de suas lojas. Da mesma forma os vendedores ficaram satisfeitos com os pedidos realizados ao longo dos quatro dias da rodada, e com certeza encerrar o ano com essas negociações feitas e os pedidos solicitados, é excelente”, ressalta.

A compradora Monica Costa foi uma das que marcou presença no evento e veio de Caratinga (MG) para garantir os produtos mais cedo para a loja da família. Atualmente com uma rede de 15 lojas, Monica conta que o pai, Donato Costa foi quem começou a vier nas edições da Pronegócio da AmpeBr há alguns anos, inicialmente apenas em duas edições anuais. Com o tempo, pela necessidade e demanda, a empresa passou a participar de todas as quatro edições da rodada. “Compramos mais vezes para a loja ter sempre novidade. Foi muito válido ter vindo nesta edição de novembro, pois conseguimos ver quais são as principais tendências de inverno, o que já nos prepara para a próxima estação. Além disso, ter contato direto com os nossos fornecedores é essencial. Para nós, foram bons negócios, produtos lindos e de qualidade excelente”, avalia a compradora que agora se prepara para vir na 44ª Pronegócio, em janeiro. “As rodadas da AmpeBr são incríveis. Sabemos o quanto é difícil fazer acontecer, quanto trabalho os diretores e as equipes da entidade têm para que tudo saia da melhor forma. Desde a chegada até a saída do evento sempre somos muito bem recebidos e a nossa satisfação é enorme em estar aqui”, reforça Monica.

 

Mais de 5 milhões de peças

A 43ª Pronegócio também foi a última de 2017. Ao todo, a AmpeBr em parceria com o Sebrae promove quatro rodadas por ano e, de acordo com o presidente da entidade todas as edições alcançaram as metas estabelecidas pela associação neste ano. “A nossa avaliação é a mais positiva possível. Em janeiro tivemos nosso planejamento e o nosso objetivo foi alcançado, ou seja: nessas quatro edições de 2017 foram comercializadas mais de 5 milhões de peças. É um número bastante expressivo, e que gerou e ainda está gerando emprego, renda  e sustentabilidade para toda a cadeia têxtil da região, em especial aos associados da AmpeBr. Estamos muito felizes por isso”, reforça.

Outro ponto destacado por Ademir, em relação ao sucesso das edições da Pronegócio em 2017, foi referente às capacitações oferecidas pela entidade ao longo do ano, tanto na área de gestão e administração das empresas, como também em palestras e workshops sobre tendências de mercado. “Tivemos a parceria com a Uniasselvi/Assevim, com a Academia de Gestão, que ofereceu diversos módulos para a área de gestão e liderança das empresas. E como nos preocupamos sempre em nossos associados oferecerem produtos de qualidade e alinhados às tendências, também tivemos vários eventos com profissionais renomados que abordaram a questão da Moda. E ainda teremos o Circuito de Moda AmpeBr, no mêses de novembro e dezembro, que irá fechar o ano com importantes palestras e capacitações”, acrescenta.

 

Circuito de Moda AmpeBr 2017

O Circuito de Moda AmpeBr será uma sequência de palestras, com profissionais renomados. No dia 22 de novembro, quarta-feira, às 19h, acontece a primeira palestra do Circuito. O evento será realizado na sede da AmpeBr e terá como tema “Tendências de Inverno 2018: apostas e peças-chave”. Na oportunidade Rodrigo Zen irá apresentar pesquisas de referências nas principais marcas de fast fashion em Paris e Londres para o Inverno 2018 para os segmentos masculino, feminino e infantil.

Já no dia 29 de novembro, às 15h, será realizada no Hotel Monthez a palestra “Diálogo sobre Branding  – Construção de Marcas”, ministrada pela estilista Renata Abranchs. O evento será promovido em parceria com o Sebrae, através do projeto Moda Catarina.

Por fim, no dia 6 de dezembro, às 19h, no Cine Gracher Havan, acontece a palestra “Conexão Inspiramais – Inspirações e tendências para o Verão 2019”, que será ministrada pelo designer brasileiro  Walter Rodrigues. A palestra será realizada pela AmpeBr em parceria com a Assintecal.

Todas as três palestras terão entrada gratuita, entretanto é necessário confirmar a presença na AmpeBr, através do telefone: (47) 3351-3811.

 

44ª Pronegócio

A partir de agora a AmpeBr inicia os preparativos para a 44ª Pronegócio, que acontece de 15 a 19 de janeiro de 2018. “É uma rodada maior que esta de novembro e que apresentará as coleções do Inverno 2018. Serão mais de 200 segmentos e mais de 600 compradores de todo o país. Temos cerca de 30 dias para organizar a 44ª rodada e vamos nos empenhar, para termos mais um evento de sucesso como o de agora”, completa Ademir.

Veja Também

Unifebe recebe mais de 2500 alunos nesta quinta

Mais de 2,5 mil estudantes de Ensino Médio estão prestes a embarcar em uma grande ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.