Home / Economia / Empresa brusquense Hiper é vendida em operação que pode chegar a R$ 50 milhões

Empresa brusquense Hiper é vendida em operação que pode chegar a R$ 50 milhões

Através de comunicado divulgado ao mercado nesta terça-feira (2), a empresa Linx S/A, a maior software house especializada em sistemas de varejo do país, anunciou a compra da empresa Hiper, de Brusque, que em menos de dez anos se transformou em uma das referências na área no país. A negociação envolve um pagamento a vista de mais de R$ 17 milhões, com adicionais que podem chegar a R$ 50 milhões, caso sejam cumpridas metas estabelecidas no contrato de venda.

A Hiper, que hoje possui 115 funcionários e está sediada na Villa Schlosser, no centro de Brusque, possui números impressionantes: uma carteira de clientes que ultrapassa o número de 14 mil empresas e que registrou um crescimento de 117% ao final do ano de 2017.

Leia a íntegra do comunicado:

A LINX S.A. (B3: LINX3) em cumprimento ao disposto no Artigo 157, § 4º, da Lei nº. 6.404, de 15 de dezembro de 1976, conforme alterada e em vigor (“Lei das Sociedades por Ações”), e na Instrução CVM nº. 358, de 3 de janeiro de 2002, conforme alterada, vem a público informar a aquisição da totalidade de ações da Hiper Software S.A. (“Hiper”), através da celebração em 02 de abril de 2019 do Contrato de Compra e Venda de Ações, entre a Linx Sistemas e Consultoria Ltda. (“Linx”), subsidiária integral da Companhia, e os detentores da totalidade da Hiper.

Fundada em 2012, a Hiper é uma software house focada em soluções SaaS para micro e pequenos varejistas com mais de 15.000 clientes ativos em 2.000 municípios e mais de 600 canais de distribuição. O faturamento bruto da Hiper esperado para 2019 é de R$13,0 milhões.

Pela aquisição, a Linx pagará o total de R$17,7 milhões à vista e, adicionalmente, sujeito ao atingimento de metas financeiras e operacionais, ligadas à penetração das soluções de TEF e Linx Pay em sua base de clientes, dentre outras, para os anos entre 2019 a 2021, pagará o valor de até R$32,3 milhões.

A aquisição da Hiper é mais um movimento da Linx em sua estratégia de aumentar a penetração de TEF e Linx Pay, que representa uma importante oportunidade de crescimento para a Companhia.

Neste caso, o racional é aumentar ainda mais o mercado endereçável de Linx Pay Hub com uma proposta de valor diferenciada através da combinação das soluções de meios de pagamento com um software de gestão em nuvem para micro e pequenos varejistas, ofertada por canais com alta capacidade de distribuição.

Veja Também

Abertura de empresas avança 11% e ano começa positivo para a economia catarinense

Nem sempre o ano começa depois do Carnaval. Em Santa Catarina, desde janeiro as estatísticas ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.