Home / Esportes / Bruscão perde nos pênaltis e está fora da Série D. Veja os lances!

Bruscão perde nos pênaltis e está fora da Série D. Veja os lances!

Após encarar o Tubarão de igual, e dominando o jogo muitas vezes na casa do adversário, o Brusque acabou eliminado da competição nacional ao ser derrotado por 2 a 1 no tempo normal, e 4 a 3 na disputa de pênaltis. No duelo de ida, o Brusque havia vencido por 1 a 0.

O Domingos Gonzales recebeu grande público para um jogão de bola neste domingo. Mais de 2,7 mil pessoas compareceram ao estádio para acompanhar a partida que teve muita emoção. A torcida do Bruscão não se intimidou pelo fato de o jogo ser fora de casa, lotou seu espaço e apoiou o time do início ao fim. Foram quatro ônibus que saíram de Brusque, um quinto ainda foi fretado por familiares do goleiro Júlio Cézar.

Em campo, o jogo começou com tudo. Zé Mateus aos 6 minutos obrigou Beliatto a fazer grande defesa. Mas quem balançou as redes foi o time adversário na sequência. Magno Alves, em bola desviada, fez 1 a 0 Tubarão (1 a 1 no agregado). O gol deixou o jogo ainda mais aberto, o Brusque não se intimidou e foi pra cima, enquanto o Tubarão também assustava. Tiago Pará, em contragolpe, e Eliomar, em chute de longe, levaram perigo ao Tubarão. Jailson também quase mandou contra o próprio patrimônio. O Brusque estava bem na partida, e aos 30 empatou após escanteio de Tiago Pará que terminou no gol de cabeça de Yago: 1 a 1.

No segundo tempo, o jogo começou como terminou a etapa inicial. Os dois times criavam chances, mas era o Brusque que tinha mais o controle do jogo. A primeira grande oportunidade, no entanto, foi do Tubarão. Magno Alves perdeu boa chance de cabeça. O Brusque também teve boa chegada com Hélio Paraíba em bola rebatida na área, mas Beliatto salvou. Eliomar tentou de cavadinha, mas perdeu. Pouco depois, Paraíba saiu para a entrada de Weverton, o Tubarão também fez mudanças e teve mais felicidade para chegar ao gol. Éverton Junior invadiu a área e fez 2 a 1 aos 28 da etapa final.

Com o duelo indo para os pênaltis, as emoções foram a flor da pele no Domingos Gonzales. Os dois times continuaram em busca do gol. Safira entrou no lugar de Adãozinho, e Jean Dias, já no fim, na vaga de Tiago Pará. Mas a decisão foi mesmo para os pênaltis. Nas cobranças, o Tubarão levou a melhor. Júlio Cézar chegou a defender um dos pênaltis, o terceiro da série, mas o Brusque errou duas cobranças e se despediu da competição.

O Brusque agora começa o planejamento para a Copa Santa Catarina, que tem início marcado para setembro.

Veja Também

Bruscão pronto para a decisão da Copa SC. Diretoria disponibiliza ônibus para SJB

Com o objetivo de buscar um bom resultado no primeiro jogo da final da Copa ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.